Bem-vindo: Seg, 19 de Agosto 2019, 5:51 Pesquisa avançada

De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Esta secção do Forum é dedicada à partilha de xperiências com o nosso sistema. Você utiliza um determinado conjunto de programas (e de uma determinada maneira) para aumentar a sua produtividade, então partilhe essa informação!

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Claudio Novais » Sex, 24 de Maio 2013, 22:01

Sim, sem dúvida que ficamos! Aliás a situação da obsolescência programada acho que está no seu auge no que toca a Ubuntu em comparação com qualquer outra distro. O Ubuntu exige sempre que tenhamos de atualizar quase de ano a ano, caso contrário simplesmente estamos desatualizados com as modas.

Este acho que é o verdadeiro fator de não existir uma Rolling Release do Ubuntu, eles querem forçar a evolução da forma mais "marketing" possível e portanto tentam impor uma maneira de fazer com que tenhamos de atualizar sempre o nosso ubuntu para versões posteriores. Não acho errado. Por esse motivo o Ubuntu está grande, por causa deste marketing que acontece sempre de 6 em 6 meses, mas é um pouco frustrante ver excelentes versões a acabarem. Aliás, todas as boas versões acabaram este mês.

Agora só temos disponíveis versões com Unity enraizado no Ubuntu, ou seja, isto é sinónimo de termos só Ubuntus pesados.
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor rvelascop » Sex, 24 de Maio 2013, 22:08

Pois é, Claudio. Mas, fazendo paralelo com o OS da Microsoft, sabemos que o Windows XP perdurou, apesar dos muitos problemas, vulnerabilidades, e BSOD's, quase 10 anos como sistema mais usado da MS. E ainda hoje, há quem prefira o XP frente ao 7 que, aliás, é melhor que o 8 (que é um horror). Enfim, a Canonical deveria ter usado a estabilidade, leveza e robustez do Lucid Lynx como uma estratégia de marketing, e feito essa versão perdurar longos anos. O problema que acho, para a Canonical, é que o Lucid Lynx veio numa fase de transição: desktops em queda e tablets e smartphones em ascensão. Daí, o foco no Unity. É apenas minha opinião.
Avatar do usuário
rvelascop
 
Mensagens: 3
Registrado em: 24 Maio, 2013

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Rafael Schonberg » Sex, 24 de Maio 2013, 22:51

Gostei da leitura. Imparcial. Parabéns.
O homem não consegue descobrir novos oceanos se não tiver a coragem de perder de vista a costa. — André Gide
Avatar do usuário
Rafael Schonberg
 
Mensagens: 901
Registrado em: 19 Novembro, 2012

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Claudio Novais » Sex, 24 de Maio 2013, 23:04

@rvelascop, o problema foi eles terem a ideia de que o Ubuntu touch lhes vai dar muito dinheiro. Acredito que sim. No entanto, eles desceram a pique as prioridades para a versão desktop e por esse motivo temos estado numa fase de transição continua desde há dois anos. Repare que desde que saiu o Unity estamos sempre em transição, com promessas de que vão resolver o problema que é o Unity.

E a seguir ver o Unity 8 que até poderá resolver o problema, mas já se está a ver no que isto vai dar: pelo menos mais uns 6 meses de teste desse novo Unity em versões do Ubuntu que teoricamente deviam ser estáveis.

Aliás, basta reparar numa coisa, o Elementary no Beta 1 e até agora no Beta 2, sempre foi mais estável que o Ubuntu 12.10 em qualquer momento. Na minha opinião, apesar do suporte prometido, o UBuntu 12.10 está completamente acabado (obsolescência programada) e portanto até deveria ser estável. Mas já foi dito por muita gente que o Ubuntu 13.04 era mais estável que o Ubuntu 12.10 ainda quando o 13.04 andava em desenvolvimento.

Eles estão a abusar um pouco da estabilidade. Eu não sei se fazia melhor. Se calhar não. No entanto, para estragar mais vale manterem-se um passo atrás, como muita gente ficou no Ubuntu 10.04. É preferível estabilidade que andarem a tomar estas decisões que só fazem os utilizadores (pelo menos os mais experientes) desistirem e partirem para a concorrência.

---

@Rafael, Obrigado! ;)
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor marcos.vargens » Sex, 24 de Maio 2013, 23:26

Infelizmente é uma realidade. Talvez o MIR resolva algumas coisas, mas outras vão acabar surgindo com ele. O Ubuntu está ficando cada vez mais lento a medida que fica mais fácil de usar, e é impossível não notar sua semelhança na parte visual com o OS X da Apple. Isto me deixa triste porque sempre quis uma identidade visual exclusiva para o Linux, e o Ubuntu está copiando cada vez mais a maçã ao invés de se afastar desse caminho, só que a velocidade e estabilidade do OS X ela não copia. :\

marcos.vargens
 
Mensagens: 603
Registrado em: 12 Julho, 2011

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Claudio Novais » Sex, 24 de Maio 2013, 23:44

Vejo muita gente a dizer isso @Marcos, mas você acha mesmo isso? Eu acho que o unity ultrapassou claramente o osX. Tenho vários colegas com computadores Apple e vejo que há uma falta de aproveitamento considerável do espaço. O Unity faz isso de forma quase perfeita com o Global menu e com o Maximus.

De resto, há coisas semelhantes sim, nomeadamente as Configurações do Sistema, mas isso não é culpa da Canonical, isso foi o pessoal do Gnome que fez, que por sinal tem visual semelhante às Configurações do KDE que apareceram antes do MacOS e do Gnome! ;)
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Falcomer » Sáb, 25 de Maio 2013, 0:07

@Claudio Os dois eram 64 bits. Não sei se vc já utilizou, mas o openbox consome muuuuuuuuuuuuuuuito menos memória que o metacity, mas muito mesmo. E olha q comparado a hoje o metacity do 10.04 é muito leve! hehe

Mas então, realmente eu não vou formatar o meu pc agora para colocar o Elementary OS. Tenho uma preguiça gigante de mexer no ubuntu que tá rodando tão bem! hehe

Marquei pra 2014 para formatar. Aí eu decido entre o elementary ou ubuntu... ou ubuntu gnome!! hehe

Mas é essa a ideia mesmo. Como desktop o Unity peca na velocidade.
Linux Professional Institute Certificated Level 1.
LPI000220827

Falcomer
 
Mensagens: 32
Registrado em: 08 Maio, 2012
Localização: Brasília

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Claudio Novais » Sáb, 25 de Maio 2013, 0:13

Sei sim, aliás, há aqui alguns utilizadores que usam o OpenBox por precisam de algo leve para o seu computador. O Luís Cardoso já chegou a usar e acho que o Abdo também usa.

Sobre você experimentar outra distro, experimente à vontade usando o Clonezilla! O Clonezilla permite fazer um backup completo ao disco, incluindo até as partições. TUDO mesmo! Por isso é só você arranjar tempo e na noite anterior deixa o clonezilla a fazer o backup.

Depois experimenta o que quiser e a qualquer momento pode reverter para o estado exatamente igual ao qual você fez o backup. Conheça o Clonezilla aqui (inclui um vídeo demonstrativo de todo o processo e tudo!):
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor LedBass » Sáb, 25 de Maio 2013, 0:16

Li todo o texto, e concordo com tudo o que foi dito, é difícil eu concordar completamente com algo, sempre tem um pormenor que costumo ressaltar e por a minha opinião dentro daquilo que foi dito/escrito, mas eis aqui um texto que posso dizer não tirar nada e nem acrescentar nada...

Lembro que quando o Ubuntu 10.10 foi lançado eu estava no 2º ano de faculdade e já usava o Ubuntu desde o 09.04, ou seja, era um pouco novato ainda no mundo Linux, mas fiquei maravilhado com as possibilidades e as facilidades do Ubuntu, por exemplo, o Ubuntu 10.10 que havia instalado no meu antigo notebook (um LG com um pentium dual core com 1 Gb de RAM 128 Gb de HD e a infame ATI xpress1250 :S ) uma máquina mediana para fraca já na época, mas mesmo não tendo mais o suporte dessa placa de vídeo nessa versão do Ubuntu (o suporte dessa placa ao Ubuntu pela ATI se encerrou no Ubuntu 08.10) o sistema era completamente customizado, usava transparências nas janelas e componentes dentro das janelas (os botões, caixas de entrada de texto e área de exibição de ícones) eram opacas, o restante usava transparência com ofuscamento, e detalhe, usava níveis diferentes de ofuscamento!!!

Usava praticamente todos os plugins disponíveis no Compiz, cantos de tela, janelas gelatinosas, desfocamento de janelas não ativas, que inclusive variava, usava o emerald como compositor das janelas, o Plymouth era customizado, o GRUB era customizado, as notificações, enfim tudo!!! Nada naquele sistema tinha o visual original dele :lu:

Não que hoje isso não seja possível, o que quero dizer é, que apesar de ter feito tudo isso, ter habilitado plugins pesadíssimos, o sistema era muito rápido e confiável, tanto que sempre que sacava meu notebook na sala, o pessoal sempre me perguntava como que eu havia feito aquilo tudo, e queriam saber principalmente que sistema era, porque eles me viam abrir o notebook e em alguns segundos (era coisa de uns 15 + ou - ) eu já estava abrindo programas e eles abriam quase que instantaneamente, aquilo impressionava até o fã mais xiita da MS.

Mas hoje, além de não conseguir fazer parte daquilo tudo que fazia (transparências dentro das janelas em componentes específicos, por exemplo, e sim, sei que isso é mais por conta do Gnome que pelo Unity) o sistema ainda está + ou - na mesma velocidade, sei o que gera esse tipo de lentidão, mas é principalmente as lentes do Unity que atrapalham, basta comparar num mesmo PC com Ubuntu instalado e com o Gnome e o Unity disponíveis, inicie no unity e vc terá uma média de 500 ~ 650 Mb de memória RAM utilizada, enquanto que no Gnome esse número chega à média de 300 ~ 350 Mb, cara é praticamente o dobro da memória RAM, e se quanto mais a memória RAM estiver alocada é sinal que uso de CPU será também será maior, o que torna tudo mais lento de maneira geral, mas o que mais me incomoda é o uso de ferramentas como zeitgeist no sistema para registro de atividades e o engessamento das customizações possíveis...

Enfim, gosto muito, mas muito mesmo do global menu e da maneira que o Unity foi desenhado, ao contrário do que muitos dizem, o Unity tem sim um desenho e usabilidade inteligentes, mas está pesado além da conta

LedBass
 
Mensagens: 5
Registrado em: 25 Maio, 2013

Re: De uma era de Ouro para uma era modernamente controversa

Mensagempor Claudio Novais » Sáb, 25 de Maio 2013, 0:39

Acredite li tudo Led Bass e gostei!

Eu num computador antigo que tive, com placa onboard muito fraca mesmo (por exemplo, o x-moto funcionava mal) instalei pela primeira vez o Ubuntu. Na altura tudo funcionava logo de início, nunca precisei de instalar drivers e o melhor: o compiz funcionava também muito bem! Nessa altura vi que ele gastava acho que 2MB de memória RAM! Você veja 2MB!!!!!! Isto num ubuntu talvez o 7.04 ou 6.10, não sei bem.

E por esse motivo também fazia montes de tweaks até que me cansei e agora uso o básico que vem no Unity. Normalmente só acrescento este tweak:

Por sinal, tal como você, apesar de pesado, uso o Unity. Apesar de o Unity ser pesado, ele tem um conceito melhor que qualquer um. Adoro a otimização de espaço dele (Global menu + Maximus) e acho que é o melhor DE a funcionar out-of-the-box com dual-monitor!
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

AnteriorPróximo

Voltar para Testemunhos/Depoimentos

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes