Bem-vindo: Qua, 21 de Agosto 2019, 14:35 Pesquisa avançada

Black Opal

Esta secção é dedicada a todas as distribuições de Linux, por exemplo, Gentoo, Ubuntu Ultimate Edition, Mint, Kubuntu etc. Poderá apresentar distribuições, questionar sobre problemas e até apresentar tutoriais!

Black Opal

Mensagempor portaro » Dom, 3 de Junho 2012, 11:29

Olá amigos, desta vez trago-vos um magnífico projecto para 64 Bits, o Oz Unity, a última versão foi lançada há 2 dias e chama-se Black Opal.

Par baixarem têm de ir aqui->


portaro
 
Mensagens: 459
Registrado em: 29 Junho, 2011
Localização: Portugal

Re: Black Opal

Mensagempor Luis Cardoso » Dom, 3 de Junho 2012, 15:30

Parece fixe, mas achei que o vídeo foi muito rápido, não dando para um utilizador ver mesmo a fundo o que realmente interessava!
ImagemImagem
«Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar um só dia na tua vida» - Confúcio
Avatar do usuário
Luis Cardoso
Redator
 
Mensagens: 10455
Registrado em: 26 Maio, 2011
Localização: Portugal

Re: Black Opal

Mensagempor portaro » Dom, 3 de Junho 2012, 15:36

Sim os videos feitos pelo BlackWolf são assim mesmo.

Eu diria que testar é sempre o melhor, unetbootin , uma descarga teste e vê-se a distro em sí.

Não obstante quase que posso assinar por baixo algo que os amigos da franquia UE lancem.
Base Ubuntu com configurações adicionais é o segredo desse grupo.

Oz UNity e Ultimate Edition são o mesmo, apenas uma trabalha com Unity ea outra é mais expasnionista.

portaro
 
Mensagens: 459
Registrado em: 29 Junho, 2011
Localização: Portugal

Re: Black Opal

Mensagempor Claudio Novais » Seg, 4 de Junho 2012, 20:00

Pelo vídeo pareceu-me apenas um Ubuntu a mostrar as funcionalidades do AfterEffects :\

Agora a falar a sério, seria bom saber o que acrescenta esta distro. Programas pré-instalados? Mais rápida?
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: Black Opal

Mensagempor portaro » Seg, 4 de Junho 2012, 23:41

Com efeito programas pré-instalados, e optimização em certos detalhes de programas principalmente edição de vídeo, alguns scripts adicionais.
É uma distro tal como o UE feita para instalar e usar sem necessidade de instalar muitos programas pois já estão por default.

O desenvolvedor do UE trabalhou para o Ubuntu ao que sei então sabe os segredos do sistema e lança customizações impressionantes, conseguiu coisas alucinantes com versões anteriores que era rodar a distro UE em plataformas com poucos recuros com compiz activado e com efeitos perfeitos, só conhecendo muito bem a distro e a capacidade de customizar por default alguns parametros é que isso é possivel.

é a distro que eu aconselho a mais gente, simplesmente parece-me perfeita dentro do mundo Ubuntu.
O OZ Unity é o seu companheiro, derivado dessa experiência nasceu este, devo dizer que o UE está há muito em 12 no distrowatch, ou seja tem um público muito certinho.

POr outro lado o suporte que dão é algo do outro mundo, resolvem quase tudo ainda não percebi como fazem mas o Ubuntu é facilimo para eles.

Abraço Claudio.

portaro
 
Mensagens: 459
Registrado em: 29 Junho, 2011
Localização: Portugal

Re: Black Opal

Mensagempor Claudio Novais » Ter, 5 de Junho 2012, 0:20

Hmmm, assim já gostei muito Portaro!! :D

Esse texto já me deu a volta por completo à minha opinião e já fiquei com vontade de experimentar. Pena é que o meu tempo livre é sempre tão reduzido e nunca saber quando poderei experimentar mesmo :(
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: Black Opal

Mensagempor portaro » Ter, 5 de Junho 2012, 14:21

É para mim um prazer poder elucidar o Claudio, já que tem feito tanto pela comunidade livre sendo este mesmo fórum o maior exemplo disso.

O projecto UE e consequentemente o OZ UNity é tão bom que eu pegando no UE 2.6.3 versão 32 bits, resolvi pô-lo à pouco um dos meus pcs, onde vai ficar até esepero eu o mais tarde possivel.

Estas remasters de Ubuntu são numa palavra únicas.

É como ter um Ubuntu mas turbinado!

Abraço.

portaro
 
Mensagens: 459
Registrado em: 29 Junho, 2011
Localização: Portugal

Re: Black Opal

Mensagempor Claudio Novais » Ter, 5 de Junho 2012, 14:49

portaro » Ter Jun 05, 2012 2:21 pm escreveu:É como ter um Ubuntu mas turbinado!

E isso é que tenho procurado desde o Ubuntu 11.04! Ainda hoje estive a ver alguns vídeos que fiz em Ubuntus anteriores, e na altura aquilo era espetacular em termos de velocidade. Atualmente ando descontente pelo peso inerente ao Unity :\

Por exemplo compare a fluidez entre estes dois vídeos: o primeiro estou a gravar os efeitos da Shell dentro de uma máquina virtual no Ubuntu 10.10; já o segundo é um simples vídeo diretamente do mesmo computador (mas agora sem o peso de uma máquina virtual) e no Ubuntu 12.04.



PS: No caso do primeiro, está a ser gravado com qualidade 100%, sem qualquer compressão. Já no segundo, precisei de utilizar alguma compressão (diminuição da qualidade de imagem) para que se conseguisse gravar com uma fluidez satisfatória, ou seja, o segundo vídeo, para além de ser bem mais lento e não utilizar efeitos especiais que sobrecarregam o sistema, ainda tem a vantagem de não estar a gravar à máxima qualidade.

Vê agora porque estou insatisfeito com o UBuntu? :roll:
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Re: Black Opal

Mensagempor portaro » Ter, 5 de Junho 2012, 15:16

O Unity, não me parece como alguns dizem que seja uma porcaria, acho que tem até pontos muito positivos, mas está em desenvolvimento, devido a isso encontra-se muito bugeado em meu entender, uma das coisas que notei quando andei a remasterizar o Flavitu foi que o Ubuntu UNity não detinha limpeza de histórico de sistema, isso é um auntêntico erro maior para qualquer distro, não sei se se esqueceram se o fizeram por querer mas esse é um bom exemplo de tremendo erro no desenvolvimento do Unity.

POr outro lado a única alternativa real ao mesmo Unity parecem-me ser XFCE e LXDE, sendo que o XFCE ao que sei é o único ambiente de trabalho per si já que o LXDE segundo me disseram não o é, é uma mistura de gestores.

O MATE não é o mesmo que Gnome2 está a anos luz.
O compiz está meio abandonado, crasso erro!

Então o que temos no momento é desorganização total.

É aqui que equipas como a do UE têm feito diferença, aprimorando os sistemas para o melhor desempenho possivel.

Convém no entanto ressalvar que a equipa não pode fazer milagres, o simples facto de se abandonar um Gnome2 colocando um Unity é como que um terramoto para quem remasteriza, não obsante tal como no passado certamente com o que a equipa UE sabe mais de uma surpresa nos darão.

Para mim alternativa real ao antigo 10.04 LTS não há nem haverá e será preciso muito tempo para termos algum sistema com o nível de qualidade daquele aprimorado pela UE.

Muito sinceramente o Unity é de facto pesado para algumas arquitecturas, demorará o seu tempo a torná-lo tão maduro como o velho Gnome de recurso.

O Gnome SHell é uma alternativa, mas não é ainda maduro também, face a que o XFCE é pouco usado temos o problema de que de repente caímos num marasmo de escolha, eu diria que o XFCE é o único que permitirá melhor/ adpatação de interface com janelas - programa.

Só o tempo trará a devida qualidade merecida de uma colosso das distros Linux, isso sim continuo profundamente convicto de que o Gnome 2 os seus paineis icones etc deveriam têr continuidade nem que fosse num novo nome ou estilo mais arcaico.

Muita paciência, e muita pesquisa certamente o ajudam a aprimorar o desempenho edição vídeo, gráficos, processador.

Neste momento o fórum do UE está caído o do OZ unity está activo, pode passar por lá quando quiser, os problemas que eu tive e questionei por lá forma-me resolvidos com os conselhos que lá me deram e não falharam.

Abraço, força!

portaro
 
Mensagens: 459
Registrado em: 29 Junho, 2011
Localização: Portugal

Re: Black Opal

Mensagempor Claudio Novais » Ter, 5 de Junho 2012, 15:42

Olá Portaro,

Sim, o conceito do Unity, para mim, é muito atrativo! Gosto muito da maneira como ele foi pensado. O problema é que todo o desenvolvimento dele está condenado: preferiram começar por algo cheio de bugs e depois indo corrigindo os problemas, algo que a conhecida Microsoft também fez e faz e deu-se mal. A solução é, como sempre nos habituamos no mundo linux, começar pelo zero e ir crescendo com algo estável. Infelizmente não fizeram e agora nunca sairão deste problema.

Tão simples quanto isto.

Agora, sobre os dois vídeos foi pena você não comentar, pois há uma diferença abismal de frames por segundo e tendo em conta que no segundo vídeo foram tomadas algumas melhorias de velocidade com recursos a perda de qualidade, é algo que me entristece muito! E volto a frisar, o primeiro vídeo foi gravado numa máquina virtual exatamente no mesmo computador.

E você diz-me que o Unity é pesado para algumas arquiteturas!? Mas o meu computador é um i5! É absurdo sequer pedir uma arquitetura como esta, quanto mais uma melhor ainda! É por este motivo que o Ubuntu este ano, no mínimo, não vai crescer como cresceu até agora. E arrisco-me a dizer que se calhar até vai cair em número de utilizadores, tudo por culpa de uma equipa de desenvolvimento totalmente incompetente.

Eles são uma equipa bem remunerada certamente, e estão a fazer um trabalho muito fraco em relação a pessoal a trabalhar sem ganhar dinheiro: como o criador do Mint que sozinho produziu o Cinnamon; o pessoal do ElementaryOS e até o pessoal que você acabou de referir!
Avatar do usuário
Claudio Novais
Editor do Ubuntued
 
Mensagens: 16869
Registrado em: 25 Maio, 2011

Próximo

Tópicos Similares:

Voltar para Outras distribuições de Linux

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes