Bem-vindo: Sex, 19 de Julho 2019, 0:33 Pesquisa avançada

Mercado de PCs caiu mais de 15% na Europa

Secção dedicada a Noticias que não estejam diretamente relacionadas com Software OpenSource! Partilhe aqui notícias sobre Internet, Curiosidades, Guiness, Desporto, Astronomia... resumidamente de tudo! :)

Mercado de PCs caiu mais de 15% na Europa

Mensagempor nuno_nunes » Qui, 8 de Novembro 2012, 20:46

A Europa Ocidental é a região onde as vendas de PCs mais caíram no terceiro trimestre, baixando as vendas em 15,4% face ao mesmo período em 2012. A Gartner e a IDC já tinham dado conta de quebras na ordem dos 8% a nível global, mas no caso da Europa as perdas são bastante mais elevadas, com quase menos 2,5 milhões de unidades vendidas.

Os dados detalhados da região, hoje divulgados pela Gartner, dão indicação da venda de 13,6 milhões de computadores, entre portáteis e desktops, mantendo-se a liderança da HP, que cai para terceiro lugar em alguns mercados, nomeadamente na Alemanha, onde é superada pela Lenovo e a Acer. Os tablets não fazem parte destas contas.

A quebra de vendas foi homogénea entre os segmentos de desktops e portáteis, onde os números baixaram 15,7 e 15,2%, respetivamente, mas também no mercado de consumo e empresarial, recuando 15 e 15,8%.

A limpeza de stocks entre os meses de junho e julho, e uma cautela adicional com a antecipação do lançamento do Windows 8 estão entre as principais causas apontadas pela Gartner para esta descida nas vendas.

Tal como aconteceu a nível global, a HP continua a perder quota de mercado, mantendo porém a primeira posição no mercado europeu. O segundo lugar é da Acer, que se aproxima perigosamente da HP e conquistou o primeiro lugar nas vendas do mercado de consumo, mesmo perdendo dois dígitos no volume.

A estratégia agressiva de preço que a Lenovo assumiu neste trimestre, especialmente no mercado profissional, fez com que a empresa chinesa fosse a única do top 5 a mostrar crescimento neste período.

Imagem

Meike Escherich, analista da Gartner, admite que o mercado vai voltar a crescer, mas que as taxas serão mais baixas do que as registadas nos últimos anos. "Os desafios a longo prazo para a indústria de PC e os fabricantes são de mostrar crescimento e apresentar novos produtos que consigam competir com os novos equipamentos móveis que estão a chegar ao mercado", afirma.

A Gartner revelou recentemente um estudo onde calcula que em 2013 as vendas de smartphones e tablets podem ultrapassar as 1,2 mil milhões de unidades.

Fonte: Tek


Avatar do usuário
nuno_nunes
 
Mensagens: 3931
Registrado em: 28 Maio, 2012
Localização: Pampilhosa da Serra - Portugal

Voltar para Notícias Gerais

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 12 visitantes