Bem-vindo: Seg, 23 de Outubro 2017, 12:39 Pesquisa avançada

Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 2013

Publique aqui o programa que acabou de conhecer! Questione aqui alguma opção de algum programa ou sobre a sua própria instalação!

Re: Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 201

Mensagempor Bitetti » Qua, 7 de Agosto 2013, 13:52

Nossa, fazia tempo q não lia nada de CAD para Linux. Muito boa essa partilha.
Avatar do usuário
Bitetti
 
Mensagens: 875
Registrado em: 03 Janeiro, 2012
Localização: São Paulo

Re: Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 201

Mensagempor Anderson Santos » Ter, 13 de Agosto 2013, 15:52

Qual é o passo a passo para a instalação do DraftSight e do LibreCad?

Quais dos dois é o melhor?

Anderson Santos
 
Mensagens: 31
Registrado em: 29 Abril, 2013
Localização: PERNAMBUCO

Re: Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 201

Mensagempor Luis Cardoso » Ter, 13 de Agosto 2013, 16:16

Anderson Santos (13-08-2013, 15:52) escreveu:Qual é o passo a passo para a instalação do DraftSight e do LibreCad?

Quais dos dois é o melhor?

Instalação do LibreCad, tão simples quanto isto:
sudo apt-get install -y librecad
ImagemImagem
«Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar um só dia na tua vida» - Confúcio
Avatar do usuário
Luis Cardoso
Redator
 
Mensagens: 10455
Registrado em: 26 Maio, 2011
Localização: Portugal

Re: Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 201

Mensagempor portaro » Qua, 14 de Agosto 2013, 22:10

Claudio Novais (07-08-2013, 0:32) escreveu:Não faço ideia de qual o estado atual das soluções open-source na área de CAD. O certo é que para já qualquer profissional simplesmente precisa do software proprietário, neste caso, do AutoCAD. Isto ocorre muito porque o AutoCAD é um software há muito no mercado, onde os programadores sabem bem quais as necessidades do publico alvo.

Creio que se as soluções livres ainda não fazem muitas coisas, isso será uma questão de tempo! Os preços deste tipo de software são elevados e os profissionais precisam de estar legais, com as respetivas licenças, o que pode ser complicado pagar tais preços, pelo menos os ainda iniciados.


Concordando acrescento algo.
O software livre não pdoe nem deve ser entendido como parte de um grupo de usuários concretos deve sê-lo como parte de um grupo social.
Muitos desenvolvedores até colocam a questão " diga que função gostaria de ver no meu soft".
Outros como nós advogamos pelo seu uso, penso eu, massivamente e portanto em toda a linha social.
Problema começa nas escolas, usa-se softwares privados pirateados pela tal razão de que fazem melhor que os livres, mercado de trabalho privados nem que sejam pirateados.
Não sei se há uns tempos viram uma noticia de que a Cruz vermelha portuguesa vai fazer a primeira oficina digital em PT->

"A Cruz Vermelha quer ajudar os jovens a resolverem os problemas sociais que enfrentam com a ajuda das novas tecnologias. O Bairro da Bela Vista, em Setúbal, foi escolhido para o projeto-piloto de inclusão social, num modelo que já teve sucesso noutros países.

O objetivo é avançar posteriormente com uma rede nacional de centros de inclusão digital para ajudar os mais desfavorecidos e as comunidades excluídas socialmente, pondo em prática os conceitos de inovação e empreendedorismo.

Através destes centros de inclusão digital, que vão ser criados em várias zonas do país, pretende-se no primeiro ano deste projeto ajudar mais de 1.200 jovens de locais desfavorecidos, dando-lhes competências tecnológicas para poderem arranjar emprego ou criar o seu próprio negócio, ajudando as comunidades em que vivem."

Quem é o parceiro em Portugal->
CDI Portugal é o novo projeto de inclusão social apoiado pela Microsoft.
https://www.microsoft.com/portugal/pres ... fault.aspx

Se assim vamos que queremos?

Esse é um grande problema nós queremos, mas quem tem poder não quer, e outros como pouco sabem acham que estas empresa são la créme e dão-lhes o crédito social que lhes interessa.

Ou seja queixamo-nos do problema da falta de profissionalismo de algumas ferramentas mas quem mais deveria apostar no software livre não ofaz, escolas, universidades.
Mas em topos altos já o fazem porque desenvolvem aplicações internas poupando muito.

portaro
 
Mensagens: 459
Registrado em: 29 Junho, 2011
Localização: Portugal

Re: Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 201

Mensagempor Alex Maximiano » Sáb, 17 de Agosto 2013, 19:51

Tem uma coisa que não entendi. o Software DraftSight é gratuíto ou depois dos 30 dias perco algumas funções do programa?

Achei esse software melhor que o LibreCAD, não consegui usar o AutoCAD que minha namorada usa e abrir os arquivos no LibreCAD, quem sabe nesse eu consiga e posso até ajudá-la.
Avatar do usuário
Alex Maximiano
 
Mensagens: 76
Registrado em: 04 Julho, 2013
Localização: Fartura - SP

Re: Aplicações CAD no Linux: AutoCAD 2007 vs. DraftSight 201

Mensagempor adilsonjunior89 » Sex, 17 de Outubro 2014, 5:20

Só para lembrar que a versão 2015 do DraftSight foi lançada e já pode ser instalada junto ao Ubuntu 14.04 32 ou 64bits, digo isso pois a versão anterior só rodava no 32bits para conseguir usa-la no 64bits era preciso fazer alguns ajustes
Avatar do usuário
adilsonjunior89
 
Mensagens: 109
Registrado em: 09 Maio, 2013
Localização: Ipatinga - MG

Anterior

Tópicos Similares:

Voltar para Programas

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes